14 de maio de 2010

Inter 1x0 Estudiantes

Raça e superação! São dois adjetivos que posso dizer a respeito da vitória colorado sobre o atual campeão da Libertadores. A proposta argentina era se defender para levar a decisão para a Argentina, e o que se viu foi um jogo cheio de marcação por ambas as equipes. O Estudiantes, fez bem o seu papel, principalmente no primeiro tempo. Com uma marcação quase perfeita e um toque de bola sempre de primeiro, os argentinos neutralizaram as principais jogadas do Inter. O veterano Verón, apesar da idade, continua jogando muito. Todas as bolas passam por ele.
Mas na segunda etapa, o Inter voltou melhor, porém não tinha as jogadas de linha de fundo. Nei e Kléber não chegavam, os cruzamentos eram da intermediária, tanto que Fossati resolveu mudar. Primeiro colocou Taison no lugar de Walter, depois fez troca dupla, colocando Giuliano e Glaydson, nos lugares de D'alessandro e Nei respectivamente.
Mesmo assim, não surtiram efeitos a mudanças. Tanto que os goleiros de ambas as equipes, nem foram exigidos, a não ser em intervenções.
Até que aos 42 minutos da segunda etapa, surge uma falta na meia esquerda, campo de ataque. Andrezinho bate na primeira trave e aparece Sorondo para deslocar o goleiro marcando 1x0. Agora, tudo se definirá na Argentina, onde o Internacional poderá perder até por um gol de diferença, desde que marque. Exemplo: 2x1, 3x2 e assim por diante. Qualquer empate, classifica o colorado. Para o Estudiantes, apenas uma vitória por 2 gols para avançar. Os argentinos vencendo por 1x0, a vaga se definirá nos penaltis.
O placar foi minimo, mas a vantagem é grande.
O Inter atuou e venceu com: Abbondanzieri, Nei(Glaydson), Bolívar, Sorondo e Kléber; Sandro, Guinazu, Andrezinho e D'alessandro(Giuliano); Walter(Taison) e Alecsandro.
ESTUDIANTES: Orion, Clemente Rodriguez, Cellay, Desabato e Re; Sanches, Federico, Verón, Peres(Stefanato) e Sosa(Benites); Boselli.

Agora o Inter vai a Goiânia encarar o Goiás, pela segunda rodada do campeonato brasileiro, jogo no domingo as 16 horas, provavelmente com time reserva.

Tchau prá vocês!!!

Um comentário:

Ismael disse...

Ganhamos, mostramos algo que no futebol é necessario : "Paciencia"
Por momentos ficava impenetravel o setor defensivo argentino, os beques sempre bem postados e ainda por cima tinhamos la na frente quem???? Alecnaba
Imagino a frustação de um lateral como o Kleber, faz uma grande jogada, olha pra area pra fazer aquele cruzamento que ele faz como poucos e ve Alecsandro, ai ele pensa..."toca na area ou jogo pra lateral?"
hehehehehehe
hehehehehehehe

Brincadeiras a parte, foi um jogo que acima de tdo exigiu paciencia e organização...
Quando tudo parecia se encaminhar para aquele amargo 0 x 0 (td o que queria os argentinos.. 42 min do 2º tempo falta, daquelas estilo chveirinho mesmo, aquelas que por vezes não dão em nada, mas tinhamos esperando a bola, Bolivar, Sorondo, Sandro..caras que não tem tanto poder de fogo, mas que com certeza la no fedor brigariam por essa, talvez a ultima bola em possibilidade...e foi o que acontece
Bola aprimorada de Andrezinho
marcação serrada em Bolivar e Sandro
Esqueceram dele...Sorondo....
Ta lá
1 x 0 e pouco??? é....mas ao mesmo tempo uma enorme vantagem!

Inter segue invicto em casa Acho até que nunk prdeu pra equipe argentina no beira rio...
Mas lá o buraco é mais embaixo
la é hora de ter paciencia e superação...

VAMO VAMO INTER